Áfricas - A NOSSA agência de noticia preta

Segunda-feira, 15 de Julho de 2024

Cotidiano

Mulheres Negras Curtindo a Vida: Evento Gratuito

Ricardo Martins
Por Ricardo Martins
/ 35 acessos
Mulheres Negras Curtindo a Vida: Evento Gratuito
Natalia dos Anjos
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

BAIXE agora o APP Áfricas  [ CLIQUE  AQUI ]
Siga nosso NOVO CANAL no WhatsApp 
Siga-nos no Instagram

Performance "Mulheres Negras Curtindo a Vida" Circula em Espaços Públicos do Rio de Janeiro

O projeto "Mulheres Negras Curtindo a Vida", idealizado pela artista e psicóloga Natasha Pasquini, convida mulheres negras a partilharem memórias alegres a partir de experiências cotidianas. A primeira ação será realizada no próximo dia 5 de julho, na Praça da Harmonia, na Gamboa, região central do Rio de Janeiro. Outras apresentações e entrevistas acontecerão na Casa do Jongo, dia 11 na Serrinha, no CCO para pessoas com deficiência visual, dia 12, e em Realengo, dia 18 de julho.

Memórias Alegres em Performance

A atividade inclui uma performance a céu aberto em quatro localidades. As entrevistas com as mulheres participantes gerarão conteúdos que serão disponibilizados em um site, incluindo textos, vídeos e composições sonoras. O projeto foi contemplado no Edital Diversidades e Diálogo, da Lei Paulo Gustavo, e no edital de Mobilidade Cultural da Fundação Palmares, permitindo que Natasha continue a pesquisa no Rio Grande do Norte. A produção é da eLabore.Kom.

Objetivo e Metodologia

A ação visa registrar e disseminar as memórias das mulheres negras, capturando acontecimentos em primeira pessoa e proporcionando uma perspectiva protagonista. As histórias serão coletadas em várias regiões do Rio de Janeiro, como a Pequena África, Madureira, Tijuca e Realengo.

Publicidade

Leia Também:

Reativação das Memórias

Natasha explica que a memória tem um papel simbólico crucial para a população negra, que frequentemente enfrenta o apagamento de suas potências. “Quando pedi às minhas amigas um arquivo delas curtindo a vida, muitas não entenderam de imediato, pois essas memórias estavam soterradas. Em contraste, as experiências de racismo eram facilmente acessadas”, relata Natasha.

Para reativar essas memórias alegres, o projeto utiliza ativadores de memória como óleo essencial de alecrim, sementes de cacau e café, que ajudam a trazer à tona momentos de prazer e alegria vividos pelas participantes.

Ativadores de Memórias Alegres

Após as entrevistas, as participantes recebem ativadores de memórias alegres, como óleo essencial de alecrim e sementes de girassol, para que possam cultivar momentos de cuidado e florescimento pessoal.

Acessibilidade e Inclusão

Para garantir a inclusão, o projeto disponibiliza intérprete de Libras para pessoas com deficiência auditiva e audiodescrição nas cenas gravadas. A equipe técnica é diversa e majoritariamente composta por mulheres pretas, promovendo protagonismo e pertencimento.

Essas ações eliminam barreiras físicas e comunicacionais, promovendo uma cultura de respeito e igualdade e combatendo atitudes capacitistas. Através da contratação de profissionais diversos, o projeto assegura que todas as etapas sejam acessíveis a todos.

Oficina de Consciência e Expressão Corporal

Como contrapartida, será realizada uma oficina intitulada “Consciência e expressão corporal através das artes da cena e práticas performativas” na Escola de Artes Visuais da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa (Sesec), localizada na Rua Jardim Botânico, 414 – Jardim Botânico, RJ.

Programação

05/07 – Praça Coronel Assunção (Praça da Harmonia) – Gamboa, Rio de Janeiro – às 14 horas

11/07 – Serrinha – (Casa Jongo da Serrinha) – Rua Silas de Oliveira, 101 – Madureira – às 16 horas

12/07 – Centro Coreográfico – R. José Higino, 115 – Tijuca, Rio de Janeiro – às 18 horas

18/07 – Avenida Marechal Fontenelle, 5000, Realengo – Rio de Janeiro – às 18 horas

BAIXE O APP e explore mais notícias como esta.

Comentários:
Ricardo Martins

Publicado por:

Ricardo Martins

Jornalista

Saiba Mais