Áfricas - Sua fonte de notícias da comunidade negra

Arquivo Público do Estado da Bahia realiza pré-lançamento do livro 220 Anos da Revolta dos Búzios 

Cultura

Arquivo Público do Estado da Bahia realiza pré-lançamento do livro 220 Anos da Revolta dos Búzios 

Edição comemorativa reúne acervo documental com intuito de ampliar o acesso do público ao tema 

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

O Arquivo Público do Estado Bahia (APEB) unidade gerida pela Fundação Pedro Calmon (FPC/SecultBA), realiza no dia 01 de julho, às 14h, o pré-lançamento da edição comemorativa do livro “220 Anos da Revolta dos Búzios”, que foi produzido através de arquivos documentais da APEB. O evento acontecerá de forma presencial na sede do Arquivo Público que fica localizado na Baixa de Quintas, em Salvador.  

 

A Revolta dos Búzios foi uma ação organizada por negros escravizados, libertos, trabalhadores pobres e alguns membros das elites brancas liberais, destacaram-se os alfaiates João de Deus e Manuel Faustino e os soldados Lucas Dantas e Luiz das Virgens. A revolte foi um movimento emancipacionista que ocorreu entre 1798 e 1799 e que conseguiu unir alguns setores da sociedade baiana contra a opressão portuguesa.  

 

A edição comemorativa visa contribuir para ampliar e democratizar o acesso ao conteúdo textual das fontes documentais destinadas à comunidade acadêmica, científica e interessados no tema. O projeto é resultado de emenda parlamentar que além do livro, também proporcionou a realização do Colóquio Revolta dos Búzios, em março deste ano.  

 

A emenda ainda comtempla um site com conteúdo exclusivo sobre o tema, produzido pela coordenação de Acervos Virtuais Baianos, com previsão de lançamento para novembro de 2022, juntamente com o lançamento oficial da edição comemorativa. Para Tereza Navarro, diretora da APEB a edição comemorativa aproxima o público de documentos importantes para história da Bahia: “A iniciativa favorece um olhar preciso no que diz respeito aos documentos produzidos no momento histórico da Revolta dos Búzios, possibilitando a construção de novas narrativas”.

Comentários:

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )